7 passos para se tornar um consultor de marketing digital

Bom, para quem não sabe eu iniciei a minha carreira profissional na área de tecnologia e publicidade, tive todo o background voltado para a informática, peguei bem no começo lá no início dos anos 2000, em 2006 comecei a dar aulas de informática onde incluía as matérias Photoshop, CorelDraw e todos os softwares de criação de sites na época…
Foi assim que em 2008 iniciei meu primeiro projeto na área de comunicação que foi basicamente uma agência de comunicação visual, fazia banners, flyers, cartazes e todas essas coisas que um moleque de 18 anos conseguia fazer com criatividade e um Photoshop na mão.
Com o tempo passando o mercado foi mudando e fui me especializando somente em trabalhos para a web, até que deixei de vez o trabalho operacional para me focar em uma única coisa: ajudar as empresas a venderem mais através da internet.
Deixei de fazer sites sem sentido e campanhas que não objetivavam o lucro, o que acontece é que nos últimos anos o mercado de marketing digital cresceu muito e criou muitas possibilidades para as pessoas largarem o trabalho tradicional e conseguirem alguma renda utilizando a internet.
Com isso vieram as enxurradas de experts, especialistas, donos da verdade, pregando inúmeras teses e métodos pouco ou nunca testados.
O que eu quero te dizer é que existe um universo de possibilidades além dos conhecidos programas de afiliados e produtores vendedores de cursos copiados dos Estados Unidos.

O Mercado de Consultoria em marketing digital

como-ser-consultor-de-marketing-digital-1
O que poucos se atentam é que existe um mercado gigante de consultoria, para vocês terem ideia dentro do meu ciclo social tenho alguns amigos consultores enfrentando o mesmo problema: ter mais clientes do que conseguem atender.
Parece mentira, mas é incrível! Em plena crise econômica e política, o pais em recesso total tem gente negando trabalho…
Com a falta de vendas, empresários estão inovando cada vez mais e estão conseguindo enxergar uma possibilidade de crescimento através da internet. Mas como entendem pouco ou quase nada de internet, computadores e tecnologia acabam contratando especialistas para fazer esse serviço. Esses especialistas são consultores de marketing digital, sacou?

Mas o que faz de fato um consultor de marketing digital?

o-que-faz-um-consultor-de-marketing
O consultor de marketing digital tem como missão utilizar estratégias de marketing para alavancar resultados de empresas, empreendedores, profissionais liberais e qualquer pessoa que queira aumentar as vendas utilizando a internet.
Antes de entrar no conteúdo de fato, quero que você entenda alguns tipos de consultorias que podem ser oferecidas:

1 – Geração de leads

Bom, nesse modelo de consultoria o objetivo é gerar tráfego e criar uma lista de e-mails ( telefones ), pode ser através de tráfego orgânico ou pago.
Quando você pega uma empresa que não faz nada de trabalho digital é extremamente fácil gerar um resultado expressivo em pouco tempo.
Na minha opinião para quem quer começar ou tem pouca experiência no mercado de consultoria esse escopo se encaixa perfeitamente.

2 – Entregar clientes

Entregar clientes é o que eu classificaria como segunda etapa do processo, no primeiro escopo de trabalho falei sobre geração de lead que é diferente de clientes, lead é um potencial cliente que está prestes a decidir positivamente ou negativamente por comprar o seu produto ou serviço.
Nesse escopo é muito comum ser utilizadas campanhas de “inbound marketing”. Se você não sabe o que é Inbound Marketing. De forma bem resumida inbound marketing é um marketing de atração que vem ganhando bastante força pela facilidade de produção de conteúdo através de blogs, Podcasts, vídeo, eBooks, etc…
Onde o “prospect”( Leitor, futuro cliente) encontra a empresa através da busca da solução de algo por exemplo: uma agência de automóveis deseja vender um Vectra 2010 completo.
Ela cria um artigo falando dos benefícios do Vectra 2010, falando sobre manunteção, valorização e desvalorização de mercado, Resenhas afim de atrair possíveis compradores do carro e no final do artigo tem uma CTA (Call-To-Action) chamada para a ação convocando o leitor a ver a oferta do Vectra 2010, deu para entender?

3 – Vender para clientes

Quando eu consigo um novo cliente a primeira coisa que me preocupo em saber é: Você tem uma lista de clientes?
Facilita muito quando a resposta é afirmativa, isso porque muitos mercados podem utilizar do recurso de vendas recorrentes. Por exemplo: uma livraria, você não necessariamente compra um livro na vida, logo uma lista de compradores de livro é algo extremamente valioso para o seu trabalho.
Eu falo que essa estratégia serve para muitos mercados pois tem alguns que não se aplicam por exemplo: Casamento, dificilmente a pessoa vai casar 2x.
Funerária então nem se fala, morrer 2x é algo que eu particularmente nunca vi acontecer.
Esses “pacotes” de serviços podem ser vendidos separados ou juntos, com conhecimentos de técnicas de marketing digital é possível aplicar nas suas consultorias.
E mais, você não precisa ser o maior expert do país para conseguir gerar resultados para uma empresa, tire isso da sua cabeça!

Requisito fundamental para se tornar um consultor:

QUERER MUDAR A VIDA DAS PESSOAS

Como assim Bruno? Vai dar uma de guru da liberdade agora?
Não é nada disso, eu sempre fui empresário e sei das dificuldades que passa um pequeno empresário, dono de um pequeno empreendimento.
Esse é um dos motivos que me motiva a escrever esse artigo por exemplo, tenho uma imensa vontade de ajudar empresários que querem aumentar seus resultados, muita das vezes não para ostentação como muitos pensam, as vezes o empresário está em apuros financeiros, com dificuldades de cumprir até os compromissos financeiros básicos para a sua família.
Com conhecimentos em marketing você pode mudar a realidade desse empresário e da família dele.
Portanto, o poder está em suas mãos.

Quanto ganha um consultor de marketing digital?

Foi bonitinho, foi legal, mudar as vidas das pessoas e blah blah mas agora vamos ao que interessa muito para muitos.
MONEY!
Alguns profissionais da área reclamam dizendo que um consultor não ganha muito dinheiro, pois você não pode escalar os ganhos, porque tecnicamente você vende o seu tempo e como todos sabemos o tempo é finito.
Agora pense comigo: um produtor paga até 50% de comissão para um afiliado por vender um produto, agora imagine você gerar 100, 200, 300 mil para uma empresa? Quando você acha que pode cobrar para gerar esse resultado?
Para você ter uma ideia dê uma olhada no que foi gerado para essa empresa que eu atendo no mês de novembro.
pagamentos
Quanto você acha que pode cobrar para entregar um serviço desse à uma empresa “comum”?
Essa empresa é pequena, tem 5 funcionários, uma estrutura de 4 salas e uma recepção.
Com algumas estratégias conseguimos gerar quase 100mil de faturamento em 1 mês.
E também, trabalhando como consultor você vai conhecer muitos empresários ( óbvio, né? ) e isso pode ter certeza que vai te abrir muitas portas para expandir o seu negócio no mercado.
O fato é o seguinte, o quanto você vai cobrar está ligado diretamente ao quanto de resultado você consegue gerar para o seu cliente.
Já te passei o que acredito ser o “necessário” para você investir na carreira de consultor digital, portanto se você está lendo até aqui parabéns e vamos em frente aos 7 passos para você se tornar um consultor.

Passo 1: Torne-se um especialista em marketing digital

Meio óbvio, mas preciso falar sobre isso.
Para oferecer serviços de consultoria você precisa ser um especialista no assunto, mas fique tranquilo como eu disse anteriormente, você não precisa ser o melhor do Brasil para conseguir gerar resultados expressivos o seu conhecimento só precisa ser bem aplicado.
 
Muitas das vezes para a empresa começar a vender ou voltar a vender ele só precisa de uma única ferramenta. E essa ferramenta pode estar nas mãos do consultor de marketing digital. Agora pense no seguinte, imagine que você tenha uma caixa de ferramentas que possa resolver problemas relacionado ao marketing de diversas empresas? Bem, é isso que faz um consultor.
Então, a minha dica principal é: ESPECIALIZE-SE fique bom em algumas dessas ferramentas e aos poucos vá montando a sua caixa de ferramentas, não tente fazer tudo ao mesmo tempo, não tente aprender tudo e ler, ouvir absorver conteúdo de todo mundo e é isso que nos leva para o ponto 2 desse artigo.

Passo 2: Tenha um mentor

tenha-um-mentor
Ter um mentor não é algo obrigatório, mas se tiver um você economizará bastante tempo e dinheiro. Todos os grandes líderes da história tiveram grandes mentores, Aristóteles, mentor de Alexandre, o Grande; Ghandi, mentor de Martin Luther King e por aí vai.

“Se enxerguei mais longe, foi porque me apoiei sobre os ombros de gigantes”. Isaac Newton

Quem pode ser esse mentor?

Nos dias de hoje é muito fácil encontrar “mentores”. Seu mentor não necessariamente precisa estar com você, é claro que se estiver te assessorando lado a lado é bem melhor.
Com todo o avanço na área da informação extrair o melhor de pessoas que nem te conhecem se tornou algo fácil de se fazer, temos diversos canais de comunicação inteiramente gratuitos, YouTube, Mídias sociais, Blogs, Podcasts e etc…
O grande lance é NÃO SEGUIR TODO MUNDO, o maior erro de quem quer começar uma carreira de consultor de marketing digital é seguir todo mundo, Brother! tem muito conteúdo espalhado pela internet e o mercado é muito amplo, mais do que você pode imaginar, eu trabalho há 10 anos nessa área, tenho um background todo na área de informática, tecnologia e comunicação e vira e mexe encontro algo de muito novo.

Passo 3: Escolha seu nicho de atuação

O que que é nicho?

Nicho é um segmento de mercado e quanto mais específico ele for, mais você pode se beneficiar dele.
No início é muito mais fácil conseguir clientes quando você busca por eles segmentados.
Por exemplo: Consultor de marketing digital para agências de automóveis, Consultor de marketing digital para hotéis, Consultor de marketing digital para advogados…
Dessa forma você consegue se posicionar mais rapidamente no mercado e consegue focar em estratégias específicas para cada nicho.
Isso não quer dizer que se você resolver focar em um nicho você não vá poder atender outros mercados, não é isso. Mas como disse anteriormente eu acredito fortemente no poder da segmentação para criar autoridade e posicionamento dentro do mercado.

A definição do nicho

Não vou nem falar aqui para você analisar o mercado e ver o que precisa, porque quase todos os nichos precisam MUITO de um consultor de marketing digital.
O ideal é que você escolha um nicho que você já tenha expertise ou uma grande paixão, assim você nunca vai querer parar de trabalhar 😉

Passo 4: Tenha um case (Um único case)

Sem dúvidas esse é o principal problema de quem quer se tonar um consultor de marketing digital, eu quando comecei a ter meus primeiros clientes foi mais tranquilo porque eu desenvolvia sites, então fiquei conhecido como “garoto da internet”.
Isso ajudou bastante quando comecei nessa onda de marketing, consultoria e etc…
Muita gente já achava que eu trabalhava com isso há anos quando na verdade só sabia fazer sites em HTML e Flash.
Eu vou compartilhar aqui com vocês agora umas dicas que eu sempre dei para os meus alunos de web design e geraram muitos resultados, aqui vai:

Seja o seu próprio case

Faça para você o que você oferece para os outros, resumidamente seja o teu próprio case. Essa sem dúvida é a melhor forma que você tem de apresentar o seu trabalho, não seja aquele Personal Trainer acima do peso, aquele dentista precisando de tratamento dentário. Faça o seu dever de casa bem feito.

Ajude uma empresa de família

Se você tiver alguma empresa na família é uma ótima oportunidade para você construir o seu primeiro case, para os meus alunos eu sempre perguntava e alguns deles tinham um tio, avô, primo que tinha um material de construção, pizzaria, agência de automóveis, etc…
E começava a fazer os trabalhos para conseguir experiência e ter um case de sucesso.
Aviso importante, não faça trabalho de graça e nem por um preço abaixo do praticado no mercado só para poder ter um case, isso vai te posicionar no mercado como um “barateiro” e vai acabar com a sua reputação antes de mesmo de você construir.
Não é porque você não tem case que tem que cobrar mais barato, valorize-se!

Ajude uma ONG

Essa talvez deva ser a maior surpresa dessa lista, eu particularmente nunca vi ninguém falar sobre isso.
Procurar uma ONG para fazer um case, as vantagens de você trabalhar para uma ONG é que você vai poder fazer o trabalho de graça, não vai ficar conhecido como barateiro, não vai desvalorizar o seu trabalho porque para todo os fins você está trabalhando por uma causa.
Aproveite e pegue uma ONG que tenha uma causa que você apoie assim você mata dois coelhos com uma só paulada.

Passo 5: Tenha um Blog

Um blog é algo que não funcionará só para você como funciona para qualquer empresa, profissional liberal ou negociação de qualquer tipo de serviço.
Se você quer realmente ser um consultor de marketing digital é essencial ter um blog na sua jornada, ele vai te dar visibilidade, vai fazer você ser encontrado através de buscas orgânicas, vai construir a sua autoridade gerando para você posicionamento dentro do mercado e vai fazer com que você receba feedbacks do seu trabalho.

Passo 6: Construa uma marca

Como toda e qualquer empresa um bom consultor de marketing digital deve ter uma marca, precisa ter valores, não caia na falácia de criar uma “eupresa” use o seu nome, divulgue-se! Você criando uma marca de valor faz com que pessoas se conectem melhor com você, pessoas que compram a sua ideia automaticamente são afetadas pelo gatilho da similaridade e fica mais fácil para você fazer amigos e networking.
A presença nas mídias sociais é muito importante para que você seja encontrado com mais facilidade e fortaleça a construção da marca, eu vou deixar abaixo o link de dois sites que vão te ajudar muito para que você crie uma marca forte:
O primeiro é o http://knowem.com/
Esse site mostra para você as mídias sociais que você não está presente ainda, muitas pessoas se limitam a Facebook, Twitter e Instagram mas existe um universo fora dessas mídias.
O segundo é o IFTT https://ifttt.com/
Essa é uma ferramenta que te possibilita criar “recipes” que automatizam processos, por exemplo: você conecta a sua conta do Facebook com a do Twitter e quando você posta no Facebook automaticamente posta no Twitter também, sacou?
Com isso você consegue ficar presente em todas ou quase todas as mídias sem gastar muito tempo.

Passo 7: Pense em um modelo escalável de negócio

Ao contrário do que muitos pensam, o mercado de consultoria de marketing digital é sim escalável.
É possível escalar de duas formas, a primeira: Aumentando o valor cobrado.
Lembra do que falei lá no início do artigo? Sobre os tipos de consultorias que você poderia oferecer? Então, um cliente que tem resultado com tipo 1 pode facilmente migrar para o 2 e depois para o 3, lembrando que eu resumi da forma mais bruta para você os modelos de serviços que podem ser entregues, existem muitas outras formas de vender serviços de consultoria depois faço um artigo só para explicar quais são eles.
E a segunda forma de escalar o negócio é migrando para uma agência digital, eu acredito que haja ainda mais mercado dentro das agências digitais do que por trás das consultorias em si.
Quando você domina todo o processo de uma consultoria em marketing digital você consegue facilmente delegar as tarefas operacionais para funcionários, freelancers ou até mesmo parceiros de negócios e você fica só com a parte da estratégia que é o principal para que o negócio funcione.

Considerações finais

Eu estava querendo escrever este conteúdo faz tempo em forma de eBook, mas acabou que virou artigo mesmo tentei resumir o máximo do que estava na minha cabeça em relação a se tornar um consultor de marketing digital.
Se você leu este artigo até aqui e ainda ficou com dúvidas em relação a esse mercado gigante que cresce a cada ano deixe um comentário que ficarei muito feliz em te ajudar da forma que eu puder, eu amo esse mercado e estou disposto a contribuir para o crescimento do mesmo.
 

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *